Você está em:

CURSOS / Graduação / Presencial / Ciências Humanas e Sociais /  Rádio e TV
Rádio e TV

Coordenador(a) : Profa. Me. Amanda Yara Generozo

Se estar à frente ou nos bastidores do Rádio ou da TV lhe atraem, estude na Universidade que tornará você um profissional completo nesta área. Faça UNISA! Compreendendo as mudanças tecnológicas pelas quais a grande imprensa e os setores correlatos da indústria radiofônica enfrentam, o curso de Rádio e TV forma profissionais aptos a atuar em um mercado em constante transformação e atualização tecnológica, flexível e dinâmica. Por isso, atende as necessidades do vasto complexo empresarial do setor, envolvendo organizações de todos os portes. 
Entre os diferenciais, estão as instalações para as aulas práticas, que contam com o Núcleo de Prática de Comunicação, para fornecer suporte aos trabalhos desenvolvidos, o Centro de Microinformática, com sete laboratórios equipados com softwares específicos, e o Laboratório de Rádio e TV, composto por 11 estúdios, que possibilitam, inclusive, a veiculação de programas ao vivo. Os eventos acadêmicos também são constantes e propiciam diálogo e conhecimento das tendências do mercado. Os projetos multidisciplinares, como a criação de curta-metragens e programetes para web e veiculação no (CNU) são destaques.
Por meio de estruturas pedagógicas atuais e suporte do corpo docente altamente qualificado, composto por mestres e doutores, ao se formar, você terá amplo conhecimento para trabalhar na criação, produção, edição e direção de programas de Rádio e TV, considerando ainda suas variáveis híbridas na web. 

Mercado de trabalho
O profissional de Rádio e TV é responsável pela montagem da programação da emissora, redação dos roteiros, produção e edição dos programas. É ele quem chefiará as equipes de produção e gravação, orientando, por exemplo, a construção de cenários e contratação de mão de obra. Outra possibilidade é o trabalho como comentarista, apresentador ou locutor. 
Pode ainda trabalhar em emissoras de Rádio e TV comerciais, educativas ou comunitárias, em produtoras de vídeo, agências de publicidade ou empresas que criam programas para transmissão ao vivo, via internet. 
Segundo o Guia de Profissões IG, o ganho de um iniciante na área está em torno de R$ 2 mil, sendo R$ 4 mil no escalão intermediário e podendo chegar a R$ 20 mil em sua consolidação. É estimado um tempo de dez a 15 anos para atingir o auge da profissão.